CONHEÇA NOSSO BLOG
aparelho fixo e móvel

Descubra agora as diferenças entre aparelho fixo e móvel

O aparelho ortodôntico é um dos artifícios utilizados para que o paciente tenha um sorriso perfeito. O tratamento pode ter diferentes objetivos e, por conta disso, são utilizados dispositivos distintos para cada caso. Portanto, se você quer saber quais as diferenças entre aparelho fixo e móvel, continue a leitura! O Instituto Oral Itaim separou informações importantes para seu conhecimento a respeito de ambos os modelos.

Principais diferenças entre aparelho fixo e móvel

Objetivo

A primeira diferença entre aparelho fixo e móvel que iremos abordar neste artigo é quanto à finalidade de cada tratamento.

imagem de boca artificial com aparelho fixo

O aparelho fixo, visto na imagem acima, é usado em tratamentos que visam melhorar a movimentação dentária. É conhecido como aparelho convencional por ser o modelo mais antigo e mais usado pelos pacientes.

Enquanto isso, o aparelho móvel é usado para corrigir alterações no crescimento e desenvolvimento ósseo. Por conta disso, é chamado de tratamento de ortopedia.

Componentes

A segunda diferença entre aparelho fixo e móvel se resume aos componentes que formam cada um dos dispositivos.

Em geral, o aparelho fixo é formado por bráquetes, peças ortodônticas coladas nos dentes. Essas podem ser de metal, plástico ou porcelana. O dispositivo pode ser ou não ligado por um fio metálico, aparato responsável por movimentar os dentes.

Por sua vez, o aparelho móvel consiste em uma estrutura de resina e fio de aço inoxidável. Abaixo, veja a imagem de um dispositivo removível.

exemplos de aparelhos móveis

Indicação

Outra diferença marcante entre aparelho fixo e móvel é a sua indicação de uso.

O aparelho móvel é indicado para crianças e adolescentes em fase de crescimento por conta da sua funcionalidade. Além disso, também é recomendado para quem precisa de reparos mais leves.

Agora, no caso de casos mais graves e complexos, o ideal é o tratamento com aparelho fixo. O recurso é indicado para adultos que necessitam de mudanças drásticas na dentição, como mordida cruzada e abertura da arcada dentária.

Cuidados

Por fim, a última diferença entre aparelho fixo e móvel que iremos tratar é sobre os cuidados necessários para manutenção de ambos os dispositivos. O aparelho fixo exige muita disciplina do paciente, já que sua higienização é mais difícil. Por isso, as limpezas periódicas feitas pelos dentistas são fundamentais nesse caso.

O aparelho móvel é mais fácil de limpar, visto que é possível escovar os dentes e utilizar o fio dental sem complicações. Assim como o dispositivo permanente, também deve ser higienizado constantemente para evitar um possível comprometimento da mobilidade dos dentes.

Qual opção devo escolher?

mulher fazendo manutenção de aparelho fixo

Agora que você já sabe a diferença entre aparelho fixo e móvel, chegou a hora de buscar um dentista! O recomendado é procurar um profissional especializado em ortodontia para que ele possa fazer um diagnóstico preciso, um plano de tratamento e atingir os resultados sugeridos.

Somente um profissional da área pode realizar uma análise bucal criteriosa para indicar o melhor método para o seu caso. Portanto, não deixe de solicitar os serviços de um dentista no Itaim Bibi para alcançar o sorriso perfeito!

Se este artigo foi útil para você, visite o blog do Instituto Oral Itaim, a sua clínica odontológica no Itaim Bibi!

Lá, já falamos sobre lentes nos dentes, bruxismo em crianças, benefícios do clareamento dental e muito mais. Navegue pelo nosso site e fique por dentro!

Posts RecentesCategoriasTags
  • Copyright © 2018 Instituto Oral Itaim - CRO CL : 12962 | RT: Joana Ozi CROSP: 92.804
  • Agência Trii