CONHEÇA NOSSO BLOG
04Dez

Lesões de boca: como fazer autoexame e cuidados

Se você tem feridas na boca que não cicatrizam, manchas, placas avermelhadas ou brancas e sangramentos bucais, é preciso ter atenção. Esses podem ser sinais preocupantes de doenças mais graves.

Para identificar esses problemas o quanto antes, é indispensável tomar algumas medidas de prevenção: fazer consultas regulares e autoexame bucal são as principais. Este último é bem fácil de ser colocado em prática e contribui bastante para um diagnóstico precoce.

Com esse tipo de cuidado, você poderá evitar diversas doenças prejudiciais à saúde. Veja agora como identificar lesões de boca e manter seu sorriso sempre saudável!

O que pode causar lesões de boca?

Alguns hábitos prejudiciais à saúde podem ser os causadores das lesões de boca mais comuns. Fumar cigarros e consumir álcool em excesso, por exemplo, são práticas que devem ser eliminadas de vez da rotina. Realizar a higiene bucal de forma errada também pode desencadear feridas e incômodos, especialmente na gengiva. Além disso, utilizar aparelhos e próteses dentais inadequadas podem machucar.

É importante também utilizar proteção contra o sol nos lábios, como protetores labiais com fator UVA. A exposição constante pode desencadear câncer de lábio, que caso se espalhe, pode atingir também a parte interna da boca.

Como fazer o autoexame?

Existem inúmeras lesões que acometem a cavidade oral, algumas mais simples, como as aftas e outras de extrema importância, como o câncer bucal. Para o diagnóstico correto, é de extrema importância a consulta com seu dentista. Ele irá saber se é apenas uma lesão simples ou se serão necessários outros exames para diagnosticar e posteriormente tratar cada caso. Em muitos casos o dentista clínico geral irá encaminhar o paciente para o especialista.

A grande maioria das pessoas não tem o hábito de fazer o auto exame da boca. Apenas com esse cuidado mensal é possível prevenir diversas doenças e principalmente tratar precocemente. A grande maioria dessas lesões são benignas e de fácil tratamento, portanto, caso encontre algo diferente, não se assuste e procure o dentista.

Para identificar lesões de boca, o autoexame deve ser feito com a ajuda de um espelho. Você deve inspecionar todas as estruturas da boca e também do pescoço e ficar de olho em trechos de pele com mudança de cor, presença de caroços e inchaços.

Passe o dedo indicador na parte interna da boca com leveza, para detectar se existem áreas dormentes, dentes quebrados ou algum tipo de feriado proeminente, mas que até então não apresenta dor. Por fim, continue a passar o dedo por toda a arcada dentária. Dessa forma, você consegue encontrar dentes amolecidos, quebrados ou com alguma textura diferenciada que foge do habitual.

Quais outros cuidados são importantes?

O primeiro cuidado a se tomar para evitar lesões de boca é escovar os dentes após todas as refeições. Os movimentos não podem conter muita força e uma escova de cerdas mais macias deve ser utilizada para não ferir a gengiva.

O fio dental também deve ser utilizado, pelo menos uma vez por dia. Assim, a remoção de placas é feita por completo e nenhum resquício de alimentos ou detritos permanece preso aos dentes. Esses cuidados devem ser redobrados caso você use aparelho dental, especialmente fixo.

Para o caso de aparelhos móveis, eles devem ser higienizados a parte, conforme a frequência indicada pelo dentista. Também é fundamental agendar consultas periódicas, pelo menos semestralmente, para que o profissional faça uma limpeza mais profunda e um novo exame mais específico. Sem dúvidas, essa limpeza é definitiva para que você conserve os cuidados com seus dentes por mais tempo, além de iniciar um tratamento antes que a situação se agrave, se algum problema for identificado.

Ainda está na dúvida sobre isso? Então confira também 4 motivos para realizar esse procedimento regularmente. A saúde de sua boca irá agradecer.

Posts RecentesTags
  • Copyright © 2018 Instituto Oral Itaim - CRO CL : 12962 | RT: Joana Ozi CROSP: 92.804
  • Agência Trii