CONHEÇA NOSSO BLOG
13Mar

5 hábitos que aumentam a sensibilidade dos dentes

Quem tem dentes sensíveis sabe como é difícil apreciar um café quentinho ou uma água bem gelada. Qualquer variação de temperatura causa dores, e o incômodo atrapalha totalmente a experiência gustativa.

Essa sensação acontece, principalmente, quando o esmalte do dente já está bastante desgastado. Por este motivo, os prolongamentos nervosos chamados de dentina ficam expostos, e sofrem ao entrar em contato com alguma substância muito fria ou muito quente.

Mas existem alguns hábitos que aumentam a sensibilidade dos dentes que você pode evitar e deixar de sentir essa sensação tão incômoda. Confira neste artigo e prepare-se para inseri-los em sua rotina!

1. Escovar os dentes de modo exagerado

Para começar, preste muita atenção na forma como você escova os dentes. Se a escovação for feita com muita força e movimentos errados, podem resultar em recessão ou retração gengival.

Além de nervos expostos, a condição não permite que a gengiva retorne à sua posição original. A recuperação é realizada apenas através de enxerto ou plástica gengival, que apesar de procedimentos seguros, são mais delicados e, dependendo do caso, demorados.

2. Abrir garrafas ou embalagens com os dentes

Forçar os dentes em uma atividade que não são de sua natureza pode ter resultados desastrosos. Quem nunca levou uma garrafa ou embalagem à boca para tentar abrir?

É neste processo que o dente pode se lascar e interferir na proteção que o esmalte oferece. A sensibilidade dos dentes aumenta muito, já que a estrutura fica abalada e pode acabar deixando os nervos à mostra.

3. Ranger os dentes ao dormir

Se você tem o costume de ranger ou apertar os dentes durante o sono, provavelmente está com bruxismo. Os movimentos forçados e constantes desgastam totalmente as bordas dentárias, causando a sensibilidade dos dentes de forma intensa.

Em geral, o estresse é a principal causa do problema. Por isso, é importante relatar o problema ao dentista, para que ele prescreva um tratamento ou aconselhe o uso de um protetor bucal.

4. Usar de forma excessiva o enxaguante bucal

Muita gente só sente que a boca está realmente limpa se usar enxaguante bucal. Contudo, o produto possui pH ácido, que, em excesso, agrava a sensibilidade dos dentes. Se você não dispensa o enxaguante na hora de higienizar a boca, consulte seu dentista de confiança.

Ele indicará qual marca deverá ser usada, além de determinar a quantidade e a frequência de modo a não causar nenhum desgaste no dente. Mas saiba que apenas a escovação correta e a limpeza periódica são responsáveis por uma higienização realmente eficaz.

5. Consumir alimentos que interferem na sensibilidade dos dentes

Alguns alimentos, especialmente os considerados ácidos, interferem muito na sensibilidade dos dentes. Refrigerantes, frutas cítricas e vinagre, por exemplo, devem ser consumidos com muita moderação e cuidado.

Após a ingestão desses alimentos, os dentes não devem ser escovados de imediato. Do contrário, a dor ficará ainda pior, já que existe o atrito intenso da escova com a superfície já lesionada e dolorida.

Você já conseguiu eliminar algum desses hábitos em seu cotidiano? Ainda sofre com a sensibilidade dos dentes? O que faz para cuidar da sua saúde bucal neste caso? Comente logo abaixo e conte um pouco mais sobre a sua experiência.

Posts RecentesTags
  • Copyright © 2018 Instituto Oral Itaim - CRO CL : 12962 | RT: Joana Ozi CROSP: 92.804
  • Agência Trii